SESSÃO DE REABERTURA DOS TRABALHOS LEGISLATIVOS ACONTECEU NESTA TERÇA-FEIRA (06)

por Antonia Nascimento publicado 07/08/2019 14h21, última modificação 07/08/2019 14h21
Veja abaixo as pautas abordadas pelos Vereadores.

1 WENDELL GONÇALVES (PR)

Falou sobre a volta do recesso depois destacou suas duas indicações feitas, uma para iluminação da Rua 3, no bairro Bela Vista, que também foi um pedido da Igreja Católica por conta do arraial que irão realizar no dia 30 de Agosto. Acrescentou que não apenas a rua 3, como muitas outras estão sem iluminação. A outra indicação foi para realização de um paliativo no ramal São Bento, km 20, para melhoria de 2,5 km de ramal. Sobre o recesso, destacou que muitas coisas aconteceram, o evento do Rondon, 28 de Julho no Perú, também queimadas e o início da corrida política para 2020, aonde os partidos já estão se organizando porque existem várias pessoas interessadas em governar Assis Brasil. Dentre outras coisas, citou que o grupo atuante da Câmara, quando for em 2020 irá sair de cabeça erguida pois sabe da luta de cada um, sabe de todos os pedidos feitos através de indicações, requerimentos, ofícios, projetos dentre outras coisas. Finalizou desejando que o segundo semestre seja produtivo e que possam fazer muito mais trabalhos em prol da população.

2 ANTONIO CAMELO (PP)

Destacou melhorias que viu no município, a exemplo os salários em dia, onde citou que em Julho foi pago antes do final do mês e metade do décimo terceiro. Então é um ponto forte para a Prefeitura de Assis Brasil que está à frente de Brasiléia e Rio Branco que não pagaram metade do décimo ainda. Destacou que há várias obras licitadas, prontas para começar. Em relação à sua indicação para adquirir uma VAN para atender os idosos, enfatizou que é algo necessário e espera que aconteça brevemente. E sobre sua indicação para reforma da Praça Zeca Amorim, destacou que será de muito valor para Assis. Finalizou dizendo que o dia 06 de agosto é dia da Pátria boliviana e temos que comemorar juntos, porque o Acre já foi parte da Bolívia um dia.

3 ANTONIA CAVALCANTE (PC do B)

Falou das visitas que fez na zona rural durante o recesso para ouvir as pessoas e tem certeza que todos fizeram igual. Dessas visitas destacou que tem muitas indicações a serem feitas. Criticou construtivamente a visita do Governador ao município quando veio para a inauguração do posto de saúde e assinatura de várias obras, destacando que o Governador foi ao km 02, inaugurar o posto mas deixou de fazer a visita à unidade Mista de Assis Brasil, que está muito crítica, falta muro/cerca que antigamente tinha e hoje não tem mais. Não tem segurança de nada. Então Governador deixou a desejar. Dentre outras coisas denunciou que recebeu muita reclamação de um médico que atende mal às pessoas na Unidade Mista. Então Câmara tem que tomar providência, no sentido de procurar a secretária estadual de saúde para conversar sobre o assunto. No demais relatou fatos que vivenciou na zona rural durante visitas, aonde em uma dessas foi ofendida por morador que dizia que os Vereadores não fazem nada, no que retrucou e explicou os fatos. Sobre os ramais, destacou que muitas pontes precisam ser construídas e ramais melhorados. Com relação aos focos de incêndio, disse que tem acompanhado as notícias, inclusive quando o prefeito relatou ter entrado em contato com os bombeiros e eles não tinham os equipamentos necessários para atender a demanda.

4 MANOEL MATIAS (PSD)

Falou sobre a questão da ladeira da descida para a cidade que que se encontra com grandes crateras e precisa ser concertada. Alfinetou dizendo que parece que o Secretário de Obras não anda no município para ver os problemas, pois existem muitos pontos críticos na cidade. Contou que durante o recesso fez poucas visitas, mas que foi a um ramal moradores cobraram que as máquinas não entraram para fazer melhoria, fato que já pediu ao prefeito através de indicação mas não foi atendido. Alfinetou novamente que está chegando o ano eleitoral e todos estão querendo ser Prefeito, usou parábola dizendo que a viúva está pobre mas todo mundo quer casar com ela. Nisto acrescentou que o dinheiro é pouco mas se souber usar, dá certo, é possível fazer uma boa administração. Reclamou que só não se faz boa administração, quando se usa sessenta e quatro mil reais para pagar algo que não funciona. Mudando de assunto falou sobre a praça Zeca Amorim, onde contou que foi retirado o refletor com promessa de devolverem e nunca o fizeram. Finalizou discorrendo sobre a iluminação, na rua da igreja católica, aonde tem são seis postes que precisam de energia.

5 CLÁUDIA GONÇALVES (PSD)

Durante o recesso é a época que todos os vereadores mais fazem visitas. Mas também houve na Casa duas extraordinárias para aprovação de Projetos importantes que não podiam esperar a volta do recesso. Informou que durante a visita do Governador, ela cobrou a respeito do médico do hospital, Dr. Sandro que não trata as pessoas bem. Elogiou o trabalho do Dr. Marcelo no hospital, destacando que ele não mede esforços para oferecer o melhor atendimento à população. Cobrou sobre o muro do hospital. Destacou que achava que Governador iria anunciar mais coisas para Assis Brasil. No demais relatou o tapa-buracos de Assis, esclarecendo que o Prefeito se compromteu que a primeira coisa que fará é tapar os buracos da ladeira. No demais, lamentou que Assis passa por muitas dificuldades, todos cobram do Vereador, e muitas vezes fica triste quando alguém diz que o Vereador não faz nada. Por fim, informou que a ponte do km 10 foi feita e que está sendo cobrado a construção dos brinquedos da praça, no que o Prefeito que já pagou para fazer, mas a pessoa responsável está deixando a desejar.

6 LÁZARO MANCHINERI (PCdoB)

Falou sobre o recesso, as questões do ramal do Icuriã, destacando que os indígenas ficaram conformados com a raspagem do ramal que o Prefeito mandou fazer, uma vez que tal ramal é importante para os indígenas que precisam trazer doentes, grávidas e também dá acesso para vir até a cidade. Depois, contou que sofreu um acidente, aonde uma árvore caiu na sua cabeça. Se colocou à disposição para ajudar os demais Vereadores nas suas indicações em prol do povo, destacando que sempre votará nos projetos que visam o melhor para a população. Mudando de assunto, relatou que os indígenas estão cobrando a casa de apoio para o Icuriã, pois não têm local para ficar, nem guardar motor ou outros equipamentos, então estão ficando na praia. Com isso espera que o Prefeito faça essa casa, pois é uma necessidade do povo indígena. Finalizou discorrendo sobre as pontes no ramal do Icuriã que precisam ser melhoradas para que não aconteçam acidentes.

7 IVELINA ARAÚJO (PT)

Falou sobre visitas que fez, aonde esteve conversando com as pessoas e as reclamações são as mesmas, sobre a obra do ginásio, pois não se tem previsão de quando será inaugurado. Nisto citou que por conta da falta do espaço para realização de campeonatos esportivos, Assis Brasil perdeu avanço e ganhos de títulos em competições. Outro ponto citado foi que o valor para gastos com o esporte no município é de 12 mil reais segundo informações, e que ano passado não foi usado, então isso desanima os atletas. Alfinetou que os sessenta e quatro mil reais usados para o Gabinete da Primeira Dama, poderiam ser gastos com realização de eventos esportivos. Dentre outras coisas, foi relatado sobre rumores de demissão dos Secretários de Agricultura e de Obras, bem como sobre a moto que é usada por Secretário como se fosse própria, mas provavelmente abastecida com recurso público. No tocante, disse não acreditar que Secretario de Saúde seja exonerado.

8 GILDA ALMEIDA (PR)

Sobre o Governador ter vindo e não visitar o hospital, explicou que não foi por falta de aviso, porque a Secretária de Saúde Estadual também estava presente e o lembrou, mas o ele tinha que estar em Rio Branco para Inaugurar o Pronto Socorro, então não teve tempo, ficará para a próxima. Acrescentou que Gladson falou que não esquecerá de Assis Brasil nem do Hospital, nisto acredita que governado vai fazer muitas coisas para ajudar o município, disse também que irá apoiar o Zum para Prefeito nas próximas eleições, então tem que organizar o município. Mudando de tema, referiu-se à ladeira destacando que o Prefeito está esperando o DNIT começar os trabalhos para resolver essa questão. Sobrepôs que faz tempo que ela vem cobrando a questão da ladeira, uma vez que ela própria já quase sofreu um acidente naquela descida. No demais, parabenizou a indicação do Vereador Antônio Marinho para aquisição de VAN para idosos e se solidarizou a família de Luizete pelo falecimento de suas duas filhas, destacando que sente muito e que está à disposição para auxiliar no que for preciso.

 

 

 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.