1ª SESSÃO ORDINÁRIA DO 4º ANO DA 10ª LEGISLATURA

por Antonia Nascimento publicado 20/02/2020 10h50, última modificação 20/02/2020 11h08
Veja os discursos!

1 WENDELL GONÇALVES (PR)

Partidos estão se preparando para as eleições desse ano, os majoritários já estão montando e mostrando para que vieram e pede a Deus que vença quem seja melhor para administrar o município. Falou sobre a cirurgia do seu colega parlamentar Antônio Marinho, aonde ele já está se recuperando. No demais destacou que Antônio é um baluarte da política em Assis Brasil. Mudando de assunto, informou que fez algumas indicações em parceria com a Vereadora Gilda que também é de seu partido, pedindo iluminação pública, porque as ruas estão muito escuras, e sabe que a culpa nem sempre é da Prefeitura, porque as vezes são cidadãos de má conduta que quebram as lâmpadas. Outra indicação foi pedindo uma peladeira de arroz para o ramal do km 88, aonde esteve visitando e viu a necessidade daquela comunidade, sendo que não é algo impossível para a Prefeitura, uma vez que já tem algumas peladeiras na cidade, nisto pediu encarecidamente que Prefeito destine uma para o referido ramal. E sobre a urna que pediu para ser instalada no km 88, foi informado que está bem encaminhada e vai dar certo. Outra indicação foi para construção do Clube municipal de eventos, na qual foi coautor com a Vereadora Gilda. Dentre outras coisas falou sobre a educação, ano letivo começou, governo está preocupado com o escoamento dos alunos, viu muitos ônibus e carros para transportar os alunos. Está vendo que as coisas estão começando a acontecer e quem ganha é o povo. Finalizou dizendo que conversou com a conselheira Marilene sobre a questão dos venezuelanos que passam por Assis Brasil e ficam alojados na igreja católica, nisto pediu que se o município prefeitura puder ajudar, seria importante porque a igreja já não está conseguindo manter sozinha. Vai estar instigando o poder executivo a ajudar.

2 LÁZARO MANCHINERI (PCdoB)

Disse que durante essa gestão tem aprendido muito sobre o legislativo. Apesar de não ter conseguido nada para sua população indígena, e eles estarem indignados, pediu calma, pois vai continuar lutando. Disse que está chegando as eleições e vai haver muitos candidatos querendo conquistar os votos, mas hoje eles já são mais conhecedores. No demais parabenizou o prefeito pelo trabalho feito em frente a Bete, e destacou que se tivessem feito um pouco desse trabalho no ramal, seria bom, pois para tudo os indígenas precisam dos ramais, então quer muito que o executivo olhe com carinho para o ramal do Icuriã. Finalizou dizendo que é o último ano e está para apoiar todo e qualquer projeto em prol da população. 


3 PAULO SALES (PP)

Falou das visitas que fez durante o recesso e foi bem recebido. Falou das emendas que viu o Prefeito apresentar na reunião de abertura, são muitas coisas boas para o município, mas para ele não é surpresa, porque é ano eleitoral e tudo pode acontecer. Mudando de assunto, destacou que lhe incomoda o fato de o Secretário de Administração pegar no pé do funcionário no meio da rua e em qualquer lugar, ele não respeita o cidadão. Não concorda com esse tipo de atitude. Nisto reclamou que isso não é feito no ano de eleição, são todos bonzinhos, mas depois que passa cria uma autoridade tão grande em cima da população, que dá medo. Destacou que tem grande respeito pela categoria de funcionários. Dentre outras coisas, falou sobre estarem dizendo nas redes sociais que o atraso no salário dos terceirizados é culpa dos Vereadores, fato que não é verdade porque Vereadores não se metem na licitação. Também relembrou que tem gente com salários atrasados desde a gestão passada. Reclamou que as leis burocráticas do país só atrapalham. Mudando de assunto falou para a Vereadora Toinha ter cuidado porque ela irá para a reeleição, e na casa tem gente oferecendo emprego em troca de apoio político, até transporte escolar estão prometendo em troca de voto. Acha que isso tem que acabar, porque na eleição passada Assis foi o município que mais teve denúncias e nesse ano não será diferente. Destacou que se for concorrer às eleições não será para Vereador e sim para Vice Prefeito. Deixou suas condolências aos funcionários da FUNASA que já faleceram esse ano provavelmente por conta do DDT. É uma realidade difícil, enfrentada pelos funcionários mais antigos da FUNASA e sabe que ele está incluso nessa estatística. Mudando de assunto, elogiou a nova Secretária de Saúde, Selma, por sua forma de trabalhar e de ser, pois era disso que Assis precisava, uma pessoa coerente que entende os outros e atende com humanidade. Não sabe porque o prefeito tardou tanto tal mudança, ele fez quando bem quis mas foi louvável. Destacou que agora os servidores FUNASA/endemias estão sendo respeitados e atendidos, no que ela já se comprometeu em colocar uma pia na sede da funasa.

4 ANTONIA CAVALCANTE (PC do B)

Parabenizou o governador pela atitude de oferecer merenda escolar e almoço para os estudantes da rede estadual, então pediu a Deus que essa atitude continue até o fim. No entanto, enquanto a educação está de parabéns na merenda escolar, está deixando a desejar no salário do profissional que está defasado. Segurança e saúde também tem deixado a desejar, citou exemplo que ocorreu em Assis Brasil com paciente que precisava de intervenção imediata e precisava ser socorrido no hospital mas o médico tinha viajado e não tinha médico de sobreaviso. Falou também sobre o anteprojeto da educação que apresentou o ano passado ao município e está reapresentando esse ano pedindo 100% do piso para professores contratados por tempo determinado, no que explicou a diferença que estão recebendo hoje que é apenas 70% do valor que seria para receberem, com uma diferença de mais de seiscentos reais em seu salário, sendo do magistério e do nível superior a diferença é mais de 700 reais. Nisto aclamou que eles tenham direito ao piso salarial digno igual aos profissionais de carreira, disse que irá lutar por essa conquista. Mudando de assunto, destacou sobre Emenda Parlamentares, no que citou que a Deputada Perpétua Almeida participou de reunião em Assis Brasil para pactuar demandas. Agora ela ligou e informou que será destinado 300 mil para implementação agrícola. Além disso terá 100 kits de placa solar para locais aonde não tem energia elétrica, sendo 50 para aldeias e 50 para moradores rurais. Reafirmou que como vereadora vai continuar trabalhando, pois cada vereador desenvolve seu papel, e resolve diversas pendencias. Fez relato sobre a questão do hospital, destacando que os cooperados que trabalham já estão dentro dos quatro meses sem receber seus salários. O pior de tudo é que os cooperados não tem direito em sequer a comer uma refeição dentro do hospital. No que citou caso acontecido e disse que acha isso um absurdo, uma falta de respeito com os cooperados, uma humilhação. Diferente da educação que os alunos estão sendo bem alimentados. Fez relato das pessoas demitidas da cooperativa da educação que estão o mês de Dezembro e quinze dias do mês de Janeiro sem receber e o pior é que eles não têm mais nem o contrato da pessoa para quem eles trabalhavam, é triste porque eles praticamente não têm direito de recorrer a nada porque não tinham carteira assinada para comprovar. Depois se referiu as falas da Vereadora Gilda, quando disse que o Governador vai asfaltar as ruas, nisto destacou que espera que ele realmente faça, porque o Tião Viana veio várias vezes a Assis Brasil, dizendo que iria asfaltar até a maromba e nunca fez. Finalizou falando sobre o anteprojeto da educação que apresentou, enfatizando que deve ser dado o parecer pela comissão e não ser mandado diretamente para a Prefeitura.

5 CLÁUDIA GONÇALVES (PSD)

Informou na tribuna que fez compras de bens móveis para o Legislativo de Assis Brasil, destacando a relação do que teria sido comprado, 02 computadores, 01 bebedouro, 02 prateleiras, 01 ventilador de parede, 02 rack para computador, 01 estabilizador, 01 telefone sem fio e 01 telefone com fio. Depois falou sobre as visitas que fez durante o recesso, destacando a escuridão nos bairros, quase sem lâmpadas funcionando, sendo que as pessoas reclamam demasiado a este respeito. Já na na zona rural, as pessoas reclamam que falta melhoria no ramal. Mudando de assunto, anunciou a notícia que recebeu do prefeito sobre as licitações das ruas, do mercado municipal, etc. Reclamou sobre a saúde, dizendo que o hospital deixa a desejar por conta da estrutura e as vezes porque o médico tem que viajar e população fica à mercê. Destacou que visitou a Poliana que trabalha no laboratório, viu alta demanda de exames de suspeita de dengue e a máquina não tem grande capacidade, então tem que aguardar. Dentre outras coisas, disse que no município tem apenas dois postos funcionando e o outro está em reforma. enfatizou que a educação estadual está de parabéns, está oferecendo merenda e almoço, e também o transporte escolar está funcionando bem. Agradeceu a Deus pela cirurgia do seu colega parlamentar, Antônio Marinho. Depois expôs sobre os banheiros da praça, destacando que esteve participando de reunião com o Prefeito, aonde ele disse que iria solucionar o problema de tais banheiros para que as pessoas que vem de fora usarem, tais como passantes e turistas, porque a maioria das pessoas vem pedir para usar o banheiro da Câmara e da Prefeitura, então se comprometeu em ver a questão para disponibilizar os banheiros da praça tanto para os taxistas, mototaxistas e o povo. Mudando de assunto, falou sobre o anteprojeto da educação aonde relembrou que será encaminhado para a comissão fazer estudo, lembrou também que o referido já esteve na Casa o ano passado, e foi tratado nos moldes legais. Destacou que conversou com a Secretária de Educação e foi informada que não tem recurso para pagar o aumento de 100%, explicou que não é desmerecimento de tal profissional, explicitando saber que principalmente os professores da zona rural, são mais que professores pois exercem papel de zelador, merendeiro, é pai, é tudo. Dentre outros assuntos falou sobre a recuperação das ruas reclamando que foi gastado na gestão passada mais de 13 milhões e as ruas não servem, então espera que esse ano o Gladson faça, mesmo sendo ano de política, pois será bem-vindo. 

6 GILDA ALMEIDA (PL)

É muito bom o recesso, mas voltar aos trabalhos é ainda melhor! Gilda louvou a Deus pela cirurgia do colega Antônio Marinho, que foi operado e passa bem. Mudando de assunto, disse que é uma grande satisfação ver a educação estadual bem, principalmente por conta da merenda escolar porque tem crianças que saem da zona rural e não se alimentam. Sem contar que os motoristas e os cuidadores também têm direito à alimentação na escola. Isso é uma grande vitória! Sobre indicação que fez para o clube municipal, fez os quatro anos da legislatura passada e continua fazendo nessa legislatura, na esperança que consiga sua construção pois será de grande valia para Assis Brasil. Continuou, dizendo que ficou revoltada porque a festa de ano novo, é algo tradicional e nesse ano não teve. Lembrou que antes tinha dois clubes e hoje não tem sequer um para poder fazer eventos. Acha que a Prefeitura tem que ter um clube, para realização de festas, porque assim ganha o executivo e ganha a comunidade e um clube igual ao Guaritas é fácil. No demais falou sobre o povo reclamar que o Governo só está fazendo as coisas porque é época de campanha, mas pelo menos está sendo feito.

 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.